No Círculo

sábado

Escolas e escolas






Fotos em Fevereiro de 2011 por Luciana Onofre





Você sabe quão complexo é para um adulto fazer entender aos outros que sua crença não é nenhuma daquelas que são padrão.
Imagine como é isso mesmo para uma criança que possui outros Deuses para si...
Meus filhos mudaram de escola, a antiga [da qual eu muito me queixei] fechou. E lá fomos nós em busca de alguma que compreendera em si tudo o que nós dois queríamos e esperamos de um espaço que acolhe a cria por boa parte do tempo dos seus dias.

A escolhida foi o Colégio Dom Bosco [não é escola exclusivamente católica, o nome pode levar a crer que sim].

É a melhor escola da cidade, minha mãe já lecionou lá, meu sobrinho estuda ali, as filhas de um casal querido e amigo também estão ali, e todos felizes.

A nossa escolha do ponto de vista qualidade foi excelente, do ponto de vista respeito e tolerância por credos religiosos foi melhor ainda!

Andrés Felipe [7 anos] se ressentia na antiga escola, bastante pois os amiguinhos sempre lhe diziam que as coisas e histórias que ele contava eram "mentiras", que seus Deuses não eram verdadeiros, que Bruxas não existimos.

Hoje bem cedo, ele ainda na cama e eu me arrumando para sair e dar aula, ele me disse feliz, muito feliz "mamãe estou feliz, nesta escola respeitam meus Deuses".
Lhe perguntei como sabia isso, ele me explicou que estão estudando seus Deuses [a pauta é a Grécia Clássica] e que ele lá relatou que Aquele Deus citado, é seu Deus [Zeus], que depois ainda contou sobre a Deusa da tia [minha irmã] e que os coleguinhas tinham ficado encantados em saber das flechas que Ela carrega, e da luz da Lua que ele disse era dessa deidade [a Deusa é Ártemis]...

Ver a sua felicidade, saber que seus relatos tiveram acolhida, que foram respeitados foi algo que me preencheu de paz, amor e felicidade, aquela felicidade límpida, repousante e que me fez encarar sair de casa baixo uma chuva chata, vendo tudo ensolarado!

Há escolas e escolas!


Luciana

3 comentários:

Kytanna disse...

Adorei! Espero passar por isso no futuro, mas creio que no caso de Arthur, somente no colégio particular isso seja possível; pois embora digam que a escola é laica, nas unidades públicas, o protestantismo lidera.

Luciana Onofre disse...

Sim é um fato, mas sabes que mesmo na particular antiga tivemos todos esses percalços...
Há escolas e escolas mesmo..

Arthur vai ter um caminho claro e zen eu sinto!

=*

*Hera disse...

Meninas, isso è um tema que (ainda) nunca tinha pensado. De fato na minha epoca escolar as pessoas nao tinham mto respeito, mas eu nunca liguei muito, mesmo pq nao tive essa educaçao de berço como o pequeno Andrè.

E' dificil encontrar uma escola para crianças 'normais' (no senso de cristoes), imagine arranjar uma para crianças que tem uma espiritualidade diferente e que para todos sao apenas historias.

Vai firme Crianças, torcendo por voces...mostrem aos outros que nossas crenças sao tao lindas e devem ser respeitadas como qualquer outra.

Grande beijo a todos

Postar um comentário

Entre em nosso Círculo!

 

Blog Template by BloggerCandy.com